Abrir um restaurante no Rio de Janeiro – problemas e soluções, parte 1

Descubra as armadilhas e aprenda os métodos necessários para abrir um restaurante no Rio de Janeiro.

O Rio é um ótimo cenário para qualquer empreendimento gastronômico. Com belas paisagens, bairros mundialmente conhecidos e um fluxo constante de turistas, tem todas as condições para fazer um restaurante inaugurar com o pé direito. Ou será que não?
Conheça os principais problemas em abrir um restaurante no Rio de Janeiro e descubra alternativas para contorná-los.
 
Saiba mais sobre gestão de bares e restaurantes, inscreva-se aqui!
 
Problema 1: Localização

O Rio de Janeiro é grande, mas seus pontos mais badalados já se encontram tomados por estabelecimentos de todo tipo – inclusive gastronômicos. Para encontrar um bom ponto e ter maior controle do fluxo de clientes, é preciso planejamento. Soluções:

1- Defina o público que o seu restaurante quer atingir. Feito isso, escolha um local (bairro, rua, etc) que esse público frequente ou possa ter interesse em frequentar.
2- Evite ficar muito próximo aos seus maiores concorrentes, sobretudo se forem referência no ramo. A comparação será inevitável, e dificilmente os clientes escolherão uma casa nova ao invés do restaurante que já adoram.
3- Um ponto mais discreto (porém bem localizado), que fique próximo às áreas mais visitadas e, ao mesmo tempo, distante o suficiente para escapar do barulho e do trânsito desses lugares pode ser uma boa pedida.
4- Existem vários meios de divulgar um restaurante. Se você quer ficar na rua mais visada do quarteirão apenas para que sua clientela potencial o veja, saiba que seu restaurante pode ser promovido por outros meios. O importante é propiciar um ambiente tão agradável para os clientes quanto sustentável para o rendimento da casa.
5- A localização precisa ser coerente com a proposta do restaurante. Não faz sentido abrir uma casa que se anuncie como espaço de relaxamento e tranquilidade em plena Avenida Brasil.

Problema 2: Saturação

Como toda região turística, o Rio está repleto de bares, pubs, restaurantes e pizzarias para os mais variados públicos. Ser mais um nesse aglomerado é difícil e pode não ser tão vantajoso. Soluções:

1- Encontre o seu nicho. Pesquise os ramos de atuação dos demais restaurantes da região em que você pretende abrir o seu negócio e os públicos que eles atendem. Verifique quais dessas variantes é mais promissora e combina melhor com o que você deseja oferecer.
2- Dentro desse nicho, estabeleça um diferencial. No nicho que você escolheu para o seu restaurante, que vai atender um público com características pré-selecionadas (idade, renda, etc), o que você pode oferecer aos clientes que os outros estabelecimentos não oferecem? Um prato da casa, um karaokê, uma decoração diferenciada…seja atraente e original.

Problema 3: Cardápios

Comidas típicas são esperadas no cardápio turísticos, e o Rio de Janeiro não é exceção. O problema é que todos os restaurantes sabem disso e geralmente investem nos mesmo pratos: feijoada, churrasco misto, mandioca frita, etc. A não ser que o seu restaurante ofereça uma feijoada sem igual, vale a pena pensar mais estrategicamente. Soluções:

1- Monte um cardápio com ingredientes regionais, fáceis de serem encontrados nas proximidades. Estabelecer parcerias com alguns fornecedores locais (de preferência que faça um cultivo diferenciado do alimento produzido) pode ser um diferencial interessante.
2- Não dispense a feijoada e caipirinha, mas foque em comidas típicas menos conhecidas. O Rio de Janeiro é uma cidade litorânea, ou seja, um cardápio de frutos do mar pode ser bem explorado. Também vale investir em versões mais rebuscadas de comidas de rua e vice-versa, além de fazer releituras de pratos já consagrados. Por fim, uma boa pesquisa vai ajudá-lo a descobrir itens da culinária regional que nem os cariocas conhecem.
3- Busque alternativas. Você sabia que existe cerveja de jabuticaba? Ou que o cozido e a galinhada eram pratos muito populares no Rio há pouco tempo atrás? Trazê-los para o seu cardápio pode ser uma boa proposta.
 
Saiba mais sobre gestão de bares e restaurantes, inscreva-se aqui!
 
Esses foram alguns dos maiores problemas em abrir um restaurante no Rio de Janeiro. Acompanhe o blog da Inffel para ter acesso à segunda parte desse artigo. Fique com a gente!

Recent Posts

Leave a Comment